Translate this Page

Rating: 2.2/5 (463 votos)

ONLINE
3





Partilhe esta Página


20-JESUS NÃO NASCEU EM BELEM, NEM NO DIA 25 DE DEZ
20-JESUS NÃO NASCEU EM BELEM, NEM NO DIA 25 DE DEZ

O sino que bate nas canções natalinas não é o de Belém. E também não foi no dia 25 de dezembro que ele nasceu. Tudo o que sabemos sobre o nascimento de Jesus esta nos evangelhos de Mateus e Lucas e são versões bem diferentes.

Em Mateus, José e Maria aparentemente viviam em Belém quando ela deu à luz. No evangelho de Lucas, eles moravam  em Nazaré, e se deslocaram até Belém  porque Augusto, o imperador romano decretou que todos os habitantes do império deveriam ir até a cidade onde nasceram seus ancestrais para participar de um censo. Como José, segundo a narrativa  era descendente do rei Davi, que nasceu em Belém ele e ,a esposa foram até lá.

Evangelhos à parte, hoje é consenso entre os historiadores de que Jesus nasceu mesmo em Nazaré. "Tanto Mateus quanto Lucas dizem que Jesus nasceu em Belém com o objetivo de dizer metaforicamente, simbolicamente, que ele é o "novo rei Davi”, diz teólogo americano John Dominic Crossan, um dos maiores  especialista na história do cristianismo.

Crossam  e outros especialistas descartam Belém por um motivo: do ponto de vista dos evangelistas, seria mais simples dizer que Jesus nasceu e cresceu em Belém mesmo - e então mudou para o Mar da Galileia onde começou a pregar. Mas como os textos se dão  ao trabalho de dizer que ele veio de Nazaré uma cidade que não tinha nada de especial, o mais provável é que ele tenha nascido ali mesmo. Mais: o motivo que Lucas da para José e Maria terem ido a Belém não existiu. O governo de Augusto é extremamente bem documentado. E não há registro de censo nenhum. Menos ainda um em que as pessoas teriam que "voltar a cidade de seus ancestrais".

Outro consenso é o de que Jesus nasceu "antes de Cristo". A fonte e a própria Bíblia, Mateus e  Lucas dizem que ele veio ao mundo durante o reinado de Herodes,  o Grande (não confunda com Herodes Antipas,  seu filho, o soberano da Galileia durante , a fase adulta de Jesus). Bom, como esse rei nado terminou em  4 a.C., ele não pode ter nascido depois disso.

E sobre o dia do nascimento a Bíblia é clara: não diz nada, "No início, o cristianismo não tinha uma data exata para o nascimento de Jesus. Então, lugares diferentes celebravam em datas diferentes,  diz o teólogo Irineu Rabuke da PUCRS. O dia 25 de dezembro acabou adotado, no século 4, porque nessa data os romanos comemoravam uma testa importante  a Natalis Solis Invieti, ou “Nascimento do Sol lnvencível". Em uma comemoração pelo solstício de inverno, o dia mais curto do ano. E que, depois do solstício, os dias vão ficando cada vez mais longos.  

A festa, então,  é pela vida, que a partir dai volta a florescer. Por isso mesmo, o solstício de inverno foi celebrado com festa em boa parte das culturas humanas, desde sempre. O circulo de pedras de Stonehenge, por exemplo, já era palco de festas assim a 3 mil anos antes de Jesus nascer, por exemplo. Por esse ponto de vista, da para dizer que o monumento pré histórico inglês é, no fundo, uma enorme arvore de natal.

Fonte: Revista Super Interessante, Edição 312- Dezembro 2012